O que são os novos jogos de tabuleiro?

Com cada vez mais jogos online e um mundo mais conectado, pode ser um desafio grande encontrar um jogo que envolva, engaje e faça pessoas interagirem fora do ambiente digital e, mais ainda, fazem isso presencialmente, sem ser pela internet. Os antigos jogos de tabuleiro que antes prendiam a atenção e despertavam o interesse já não são mais tão interessantes assim.

Os próprios vídeo games que dependiam da interação presencial entre os jogadores não são mais tão jogados. O futebol digital já é mais comumente jogado pela internet, o jogo de corrida que antes reunia a galera já não é mais o mais atraente, jogos de campanha, responsáveis por juntar amigos que invadiam a madrugada revezando controles até a próxima morte, já não são a preferência da maioria dos gamers.

Se esses jogos, que já pertencem ao mundo digital, não são mais interessantes como antes, quem dirá os consagrados e clássicos jogos de mesa.

War, Banco Imobiliário, Jogo da Vida, Detetive, mal mal, uno

muitos deles já deixaram de ser uma opção de diversão para amigos e se tornaram apenas uma memória de infância e adolescência nas mentes daqueles com mais de 25 anos.

Com tudo isso, é mais difícil pensar em juntar amigos para jogar em volta de uma mesa e passar horas jogando, conversando e se divertindo.

Porém, desde o final da década de 90 e início dos anos 2000, uma nova tendência vem surgindo nos jogos de tabuleiro e ela pode ser a solução para que esses momentos épicos não sejam exclusividade das gerações que estão com mais de 25 anos.

OS NOVOS JOGOS DE TABULEIRO

A partir de meados dos anos 90, os jogos de tabuleiro, em rota de colisão com os jogos digitais, começaram a conhecer uma rota alternativa. Cada vez menos interessantes para a geração que já tinha nos vídeo games uma das suas principais formas de diversão, os jogos analógicos viram um fenômeno surgir, um jogo que tirou muita gente da frente da TV e fez muito menino desligar o vídeo game surgiu e conquistou vários adeptos mundo a fora:

Colonizadores de Catan, ou somente Catan.

O jogo que abriu as portas do mundo para uma revolução nos jogos de mesa tinha elementos que, mesmo já tendo sido vistos anteriormente, foram aplicados com maestria e conseguiram, desde então, conviver com a concorrência dos jogos digitais.

Jogos cada vez mais estratégicos, mais divertidos e integradores começaram a surgir e não pararam mais. Esses novos jogos também são conhecidos como Board Games.

Apesar do nome, jogos de tabuleiro, essa nomenclatura não diz respeito apenas a jogos que possuam um tabuleiro, ela diz respeito a jogos de mesa em sua generalidade, jogos de cartas, jogos de dados e até os livros-jogos estão inclusos nessa categoria.

O QUE ESSES JOGOS TRAZEM DE NOVO

Esses novos jogos de mesa trouxeram conceitos novos, mas, principalmente, maior controle por parte do jogador. Diferentemente dos seus ancestrais, os jogos modernos têm foco nas escolhas dos jogadores.

Você ou alguma pessoa que você conheça, provavelmente já viveu uma dessas situações em uma partida desses velhinhos:

  • – Rolar os dados, andar aquele número de espaços e pagar 50 dinheiros de imposto de renda
  • – Perder 18 exércitos contra apenas 3 do defensor em um duelo totalmente definido pelo dado
  • – Girar a roleta e cair na casa: “Titia deixou 50 gatos. Pague $ 20.000 para os cuidados”

Tudo isso com muita sorte e pouca escolha.

Nos novos jogos de tabuleiro, a sua decisão importa mais que a sua sorte de tirar os dados certos. Além disso, você influencia direta e indiretamente nas estratégias adotadas por outros jogadores, tornando o jogo mais interativo, menos repetitivo e mais dependente da capacidade de se preparar para adversidades.

Os novos jogos de mesa também têm a tendência de não trabalharem com a eliminação de jogadores em partidas muito longas.

Nada de ter o seu exército varrido do mapa e ficar mais duas horas esperando um jogador terminar o seu planejamento para dominar o mundo.

Na grandíssima maioria das vezes, os jogadores ficam no jogo até o fim da partida, sempre com chances de darem a volta por cima quando em situação de desvantagem.

NOVOS GRÁFICOS, NOVA EXPERIÊNCIA

Além de tudo o que já foi dito, assim como os vídeo games fizeram, os jogos de tabuleiro também foram obrigados a melhorarem seus “gráficos” e toda sua experiência visual e tátil.

  • – Arte mais trabalhada
  • – Componentes mais atraentes
  • – Visual muito mais robusto
  • – Muitos contam com temática bastante presente e que valoriza a experiência.

Quer se sentir como um pirata colecionando tesouros pelos oceanos? Você tem jogos assim.

Quer se sentir fugindo de um assassino serial que carrega com ele um facão como num filme de terror dos anos 80? Tem também.

Quer resgatar cachorros doentes nas ruas da cidade e trata-los? Tem também!

Bom, acho que você entendeu meu ponto.

E POR ONDE COMEÇAR?

Cada vez mais mecânicas de jogo foram sendo implementadas já pensando nas novas necessidades do público e, aproximadamente, 3500 jogos de mesa inéditos são publicados em todo o mundo por ano. No Brasil, cerca de 350 títulos serão lançados até o final de 2018, isso só durante o ano! Com esse tanto de opção e chegando agora nesse mundo, pode ser bem difícil escolher por onde começar, mas não se preocupe, nós vamos te ajudar.

Dentro do espectro dos novos jogos de tabuleiro, temos subcategorias que te ajudam a buscar o jogo certo, para o momento certo. Uma dessas subcategorias é a dos jogos de entrada, ou Jogos gateway.

Esse tipo de jogo é bem mais tranquilo para uma primeira experiência com jogos modernos. Eles têm:

  • – Manuais simples
  • – Menor quantidade de regras
  • – Dinâmica mais intuitiva e, principalmente
  • – São super-fáceis de serem explicados para qualquer um

Ou seja, ideais para quem está começando a conhecer esse novo mundo.

QUAL JOGO ESCOLHER?

Os jogos de entrada são muitos, você ainda vai ter muita opção, o que pode te deixar perdido. O primeiro passo é entender o que você busca na sua experiência com um jogo de tabuleiro. Você quer…

  • – Um jogo divertido, rápido, com bastante zoeira e trairagem?
  • – Um jogo mais estratégico, com maior profundidade e menor interação entre os jogadores?
  • – Um jogo no estilo dos carteados que sua família ou seus amigos gostam de jogar?
  • – Um jogo que possa ser somente uma desculpa para reunir os amigos e tomar umas cervejas?

Tem jogo para tudo que é gosto.

Dá uma conferida nos nossos jogos aqui na Geeks N’ Orcs, a gente foca em jogos rápidos, fáceis e bastante divertidos. O Piratas!, por exemplo, é um jogo com bastante zoeira, furada de olho e trairagem, muito divertido com amigos que gostam de sacanear uns aos outros #TRETAMONSTRA.

ESCOLHI MEU JOGO, ONDE COMPRO?

Se você já escolheu o jogo que quer na sua coleção, agora falta saber onde comprar, certo? Pois essa pode não ser das tarefas mais fáceis. Os novos jogos de mesa são incríveis, mas, por fazerem parte de um movimento muito recente no Brasil, ainda não estão disponíveis por toda parte.

Alguns tipos de lojas em que você pode procurar jogos de tabuleiro em sua cidade:

  • – Redes de livrarias, como as Livrarias Leitura, Livraria Curitiba, Livraria da Vila etc
  • – Lojas que trabalham jogos como Magic: The Gathering e Pokémon costumam contar com acervo de jogos de tabuleiro
  • – Lojas online especializadas, é só digitar no Google: “comprar jogo [jogo que você quer] online”
  • – Grandes Marketplaces online como Lojas Americanas, Submarino etc
  • – Amazon.com.br

E fica ligado que os jogos modernos estão disponíveis em cada vez mais lojas.

PUTS, ESPERAVA UM PREÇO MENOR…

É, a realidade dos novos jogos de tabuleiro é que não se paga neles o mesmo que se pagava nos velhinhos de outrora, eles são um pouco mais caros, mas talvez eu consiga te convencer que eles valem a pena:

  • Vídeo games

Hoje, você paga o mesmo num jogo de vídeo game que você pagava naquele CD pirata de 15 anos atrás? Não né? Você quer jogar online, quer atualizações, quer acesso a comunidade do jogo… você quer a experiência completa, né? Com os tabuleiro é igual, a experiência aprimorada custa mais que a experiência incompleta.

  • Cinema

O que é mais caro: assistir a um filme na sua casa com uma pipoca de micro-ondas, ou ir ao cinema IMAX 3D? É claro que é ir ao cinema, mas qual te entrega a melhor experiência, a mais completa?

Além disso, os jogos de tabuleiro te permitem uma coisa que nenhum desses exemplos acima permite: por serem para muitas pessoas, você sempre pode dividir o valor do jogo entre os amigos que se interessarem em comprar.

Nos idos de 2010, eu e um amigo dividimos o preço de um Jogo da Velha de dose, daqueles de vidro, em que metade dos copinhos tem um X e a outra metade um O. R$ 15,00 para cada e muita zoeira. Momentos épicos e horas de diversão por meros R$ 15,00, ainda hoje, o jogo da velha enfeita a estande de casa.

EU QUERO TESTAR ANTES DE COMPRAR

Se você ainda está em dúvida sobre comprar ou não um jogo, você pode querer jogar antes de comprar e, acredite, não é tão difícil fazer isso.

Você pode procurar na sua cidade por:

  • – Lojas físicas de jogos de tabuleiro que disponibilizam espaço para jogar
  • – Eventos de jogos criados, organizados e mantidos por jogadores, você pode pesquisa-los pelo Facebook
  • – Bares e afins que disponibilizam acervo de jogos para seus clientes jogarem
  • – Eventos de cultura pop, como a CCXP e o Anime Friends sempre contam com a participação de editoras de jogos de tabuleiro modernos

Se mesmo assim você quiser mais alguma forma de se informar sobre o jogo, faça uma visita a canais como o Covil dos Jogos, o Meeple Maniacs e veja o gameplay, a explicação das regras e tudo mais.

COMPREI, CHEGOU, QUERO JOGAR, MAS DEU PREGUIÇA DE LER AS REGRAS

É, se você tem preguiça para ler as regras, talvez não tenha saída para você… MENTIRA, é claro que tem. No Youtube você encontra canais que te ajudam no processo de aprendizado de um jogo. Eu indico:

  • – Os canais das próprias editoras
  • – Covil dos Jogos
  • – Siga o Coelho
  • – Meeple Maniacs

Quer mais facilidade? Tem!

Além de aprender as regras através de um vídeo explicativo, você também pode procurar por material de apoio disponibilizado pelas próprias editoras para facilitar ainda mais a compreensão e a fluência do jogo. Eu mesmo disponibilizei esse material de apoio para o Piratas!, jogo de minha autoria.

NÃO GOSTO DE ASSISTIR VÍDEOS, PREFIRO MESMO LER AS REGRAS

Eu também não sou tão chegado a vídeos assim rsrs. É uma escolha sua e eu estou com você! A única coisa que indico é que você aprenda as regras de jogos mais complexos por partes e de forma mais esquematizada, assim você facilita a sua vida.

Aqui a gente fez um passo-a-passo para você aprender a ler regras de forma mais eficiente. É bem simples. A gente fez, inclusive, uma ficha para ajuda-lo a esquematizar a leitura das regras.

REGRAS APRENDIDAS. COMO ENSINÁ-LAS A OUTRAS PESSOAS?

Os jogos de tabuleiro são jogos sociais, a grande maioria deles depende de mais de uma pessoa para jogar. Porém, como era de se esperar, é difícil que mais de uma pessoa na mesa de jogo tenha lido as regras, então, quem leu as regras vai precisar explica-las aos outros.

Você é bom em explicar regras? Pode ser que sim, mas, por via das dúvidas, confere aqui nossas dicas para ensinar regras de maneira rápida e eficiente.

QUER JOGAR COMIGO?

 

Agora que você já sabe as regras do jogo, já sabe até ensiná-las para outras pessoas, o seu desafio é achar gente para jogar com você. Mas será que isso é fácil?

A primeira coisa que você tem que pensar é: TODO MUNDO JOGA. Sim, todo mundo joga. Nem que seja de carona num reality show como o Show do Milhão, todas as pessoas gostam de jogar e se entretém com isso.

Exceto o meu pai, ele diz que não gosta de jogo, mas não tem uma noite em que o “Paciência” ou qualquer jogo parecido não esteja aberto no computador dele. Ele demorou a dar o braço a torcer, mas achei alguns jogos que ele gosta e hoje jogamos com certa frequência rsrs.

O problema é que nem todo mundo teve acesso a este material aqui e nem todo mundo sabe o que são os jogos modernos. Você vai precisar encontrar as pessoas certas e os melhores momentos para jogar.

  • – Uma noite de jogatina com os amigos
  • – Uma opção diferente para jogar com o(a) namorado(a)
  • – Colocar um jogo na mesa de um churrasco no lugar do truco

Existem várias possibilidades. A gente criou uma lista só com situações em que os jogos de tabuleiro se encaixam melhor que os vídeo games.

CARACA! É MUITO BOM, JÁ QUERO CONHECER OUTRO JOGO!

É, você já foi picado pelo empolgante bicho do jogo de tabuleiro. A interação e o desafio, envolvendo todos a mesa pode ser um tanto empolgante, eu sei como é. Mas não se preocupe, você agora só precisa decidir qual será seu próximo passo nessa jornada incrível.

OS JOGOS BRASILEIROS

Agora que você já entendeu bem o que são os novos jogos de mesa, eu vou te contar mais um segredo:

Tem gente criando jogo nesse mesmo instante aqui no Brasil! Jogos incríveis e inovadores.

É, eu mesmo sou um autor de jogos. Eu falei ali em cima sobre o Piratas!, que é um jogo de minha autoria, mas também tenho outros jogos publicados ou em via de serem publicados. Melvin vs Kronk, Kingdom Roll, Write your Civ Up, Elíseos…

Recomente este conteúdo para os seus amigos

VOCÊ ESTÁ QUASE PRONTO

Sim, você já sabe muito do que precisa saber para começar a explorar esse mundo maravilhoso e GIGANTE. Já pegou dicas, já sabe o que precisa saber para se decidir… Mas se você quiser saber ainda mais, nós fizemos um e-book contando tudo sobre como surgiram os novos jogos de mesa e incluímos nele uma lista de 5 jogos para você começar a conhecer esse novo mundo. É só preencher o formulário abaixo que você vai receber em seu e-mail um link para download.

Recomente este conteúdo para os seus amigos

Game designer e líder de desenvolvimento de jogos na Geeks N’ Orcs. Um dos autores do Piratas!, considerado o melhor jogo de cartas brasileiro pelo ranking da Ludopedia. Viciado em experiência do jogador e buscando sempre trazer diversão para as pessoas através dos seus jogos. Leia mais artigos dele.

One Comment

Leave a Reply